ALEGRES VEGETARIANOS AVE LUZ CURA PLANETÁRIA INTERNET DE LUZ REDE SOCIAL RÁDIO
 

 

 

 

UnB confirma tremor de terra em São José da Lapa

www.painelglobal.com.br

 

 
O Observatório Sismológico da Universidade de Brasília (UnB) confirmou ontem um tremor de terra em São José da Lapa, na região metropolitana de Belo Horizonte. Ele aconteceu às 10h30 de anteontem.

Contudo, os dados da instituição ainda são preliminares. As informações sobre a magnitude e a origem dos abalos ainda estão sendo analisados e só devem ser divulgados hoje.

A população de São José da Lapa - cidade de 19 mil habitantes a 38 km da capital - está assustada com os pequenos tremores que vem acontecendo na cidade desde o último sábado. De acordo com o analista da UnB, Diogo Albuquerque, o observatório recebeu ligações de moradores sobre tremores acontecidos no sábado, domingo, segunda, quarta e na manhã de anteontem.

"Ao que tudo indica houve mais abalos. Sabemos que lá é uma região de mineração. Mas ainda não podemos afirmar se houve um tremor natural ou artificial", ressaltou o analista da UnB.
Por lei, detonações só podem acontecer entre 8h e 18h. Mas o tremor mais forte relatado pela população até então ocorreu na madrugada de domingo para segunda-feira.

Sem estragos. Segundo o coordenador municipal de Defesa Civil, Vagner Pereira, não houve danos em prédios ou outras estruturas na cidade. A maioria dos tremores foram sentidos na área central de São José da Lapa.

Não é a primeira vez que a cidade sofre abalos sísmicos de pequena intensidade. O observatório da UnB registrou um em março do ano passado. O coordenador municipal disse que autoridades municipais irão se reunir para estudar uma providência para a situação.

Em 2007, um tremor de terra de 4,9 graus na escala Richter em Itacarambi, no Norte de Minas, matou uma criança. Sete meses antes do terremoto, moradores da cidade já reclamavam dos abalos.

Na mesma época, estudos concluíram que há falhas geológicas no subsolo do município.

Publicado em: 16/04/2010
 

http://www.otempo.com.br/otempo/noticias/?IdEdicao=1632&IdCanal=6&IdSubCanal=&IdNoticia=138684&IdTipoNoticia=1